A POLISSONOGRAFIA é um exame não invasivo, indolor que registra as ondas cerebrais, o nível de oxigênio no sangue, a frequência cardíaca e respiratória, assim como os movimentos dos olhos e nas pernas durante o exame. Tudo é feito através de sensores instalados por técnicos especialistas em medicina do sono. Pela manhã, os sensores são removidos e o paciente pode retornar às suas atividades habituais.

A POLISSONOGRAFIA Ajuda a diagnosticar distúrbios do sono como apneia e hipopneia obstrutiva do sono, ronco, insônia, terror noturno, sonambulismo, bruxismo, sonolência excessiva diurna, entre outros. Dormir menos que o recomendado (6 a 8 horas em média) ou acordar diversas vezes durante a noite em decorrência de distúrbios do sono pode causar mais malefícios ao organismo do que imaginamos. Através do diagnóstico a realização do tratamento torna-se mais eficaz.